O que são tipos de registros de DNS

Essa é uma lista de termos comuns que você poderá encontrar durante o gerenciamento de um domínio.

Tipo de registros:

    • A: Registros A (também conhecidos como registros host) são os registros centrais de DNS. Esses registros vinculam um domínio, ou subdomínio, a um endereço IP.
    • A6: Registros A6 podem especificar um endereço IPv6 completo ou apenas uma parte dele, tal como os últimos 64 bits designados a uma interface de rede do host e então referir-se ao restante do endereço por um nome de domínio simbólico. A parte do endereço especificado nesse registro é chamada Sufixo do endereço.
    • AAAA: Executa a mesma função de A, porém faz mapeamento de um nome DNS para um endereço IPv6.
    • AFSDB:  Mapeia um nome de domínio para um servidor de banco de dados.
    • CNAME: Especifica um apelido (alias) para o hostname (A). É uma forma de redirecionamento.  Por exemplo, www.example.com pode direcionar para example.com.
    • DNAME: Esse registro de recursos fornece a possibilidade de mapear uma subárvore inteira do namespace do DNS para um outro domínio. Ele difere do registro CNAME que mapeia um nó único do namespace.
    • HINFO: Utilizado para armazenar informações sobre o hardware do servidor DNS, tais como tipo de CPU, tipo e versão do sistema operacional e assim por diante.
    • LOC: Esse registro fornece a possibilidade de especificar as informações sobre localização de computadores, sub-redes e redes no mundo. As opções são: latitude, longitude, altura, tamanho, precisão horizontal, precisão vertical.
    • MX: Aponta o servidor de e-mails. Pode-se especificar mais de um endereço, formando-se assim uma lista em ordem de prioridade para que haja alternativas no caso de algum e-mail não puder ser entregue.
    • NAPTR: Comumente usados ​​para aplicações em telefonia via Internet , por exemplo, no mapeamento de servidores e endereços de usuários no Session Initiation Protocol (SIP). A combinação de NAPTR registros com os registros do serviço (SRV) permite o encadeamento de vários registros para formar reescrever as regras complexas que produzem novos rótulos de domínio.
    • PTR: Fornecem o que é conhecido como “DNS reverso”. Os registros PTR atribuem endereços IP a um nome de servidor, em vez de associar um nome de servidor a um endereço IP.
    • RP: Esse registro têm o e-mail da pessoa responsável pela zona ou host.
    • SRV: Abreviação de SeRVice, permite definir localização de serviços disponíveis em um domínio, inclusive seus protocolos e portas.
  • TXT: Fornece informações textuais para fontes fora de seu domínio que podem ser usadas para diversas finalidades arbitrárias. O valor do registro pode ser texto legível por humanos ou por máquinas.
  • Este artigo foi útil para você?
  • Sim   Não

Tags relacionadas

DialDNS

dns

registros

tipos


Categorias: DialDNS